AMAR É...

 

Peixe não vive, fora d’água não,

Sem o teu amor eu me padeço,

Já implorei o teu perdão,

Me virei ao avesso,

Mas a tua ingratidão

Me transporta ao começo.

 

Já fiz de tudo prá você gostar,

Cheguei mais cedo, mudei de enredo,

Lancei perfume no ar.

E você com teu segredo,

Fez-se tudo desmoronar.